Blog UJS Ceará

O blog de política da juventude cearense!

Um ano pra ficar marcado na história da UJS e do povo cearense  

Em artigo, o presidente da UJS do Ceará Flavio Vinícius faz uma avaliação da luta política em 2010 destacando a participação da UJS no processo eleitoral. Confira:

Um ano pra ficar marcado na história da UJS e do povo cearense

Muitos motivos para comemorar. Afinal, não é todo dia que se impõe uma derrota política ao maior símbolo da direita conservadora do estado: o coronel Tasso Jereissati. Uma vitória das forças progressistas do Ceará, com grande protagonismo da militância da UJS, que desde o primeiro momento apostou na união dos candidatos do campo popular para vencer nas urnas o “galeguim do zói azul”.

E não para por aí, pois atenta aos grandes desafios da atualidade, a UJS cearense participou das principais lutas políticas do cenário local. Em todas as manifestações, debates, eleições, congressos, conferências e campanhas que esteve presente, a UJS mobilizou a juventude e pautou o seu papel no desenvolvimento do estado do Ceará. Ainda no primeiro semestre, promoveu um vitorioso congresso estadual, que reuniu mais de 2000 jovens em todas as suas etapas e dos mais variados municípios cearenses para debater o papel da juventude na luta pelo desenvolvimento do Brasil, pelos direitos juvenis e pelo socialismo.

Eleições 2010
Mas foi durante as eleições que a força e a disposição da militância socialista se revelaram surpreendente. Consciente do significado dessa disputa política, a UJS participou ativamente do processo eleitoral, propondo um projeto para o Estado com a participação da juventude e com uma agenda de políticas públicas para esse segmento.

Tanto na defesa dos candidatos proporcionais que representam o campo popular e progressista, como na eleição do governador Cid Gomes e da presidente Dilma Rousseff, a UJS demonstrou muita capacidade de mobilização e isso ficou mais evidente no primeiro turno com o lançamento do movimento “Pega o Beco Galeguim” e, no segundo turno, com uma intensa agenda de campanha nos espaços juvenis, em especial nas faculdades e universidades.

Pega o Beco Galeguim
E foi com muita alegria e coragem que a juventude socialista lançou o movimento ‘Pega o Beco galeguim’. Seu apelo entre os cearenses e a vibração da militância da UJS levou o movimento para as ruas e logo apareceram camisas, adesivos e mensagens na Internet que expressavam o sentimento de repúdio ao que representava a chamada “Era Tasso”.

Muita gente não acreditava na possibilidade de derrota do líder tucano. Hoje, após a confirmação do resultado e por ironia da vida, são os mesmos que reivindicam para si os créditos da vitória sobre o coronel. E não foram poucas as vezes que tentaram dividir o campo popular, representado por Eunício e Pimentel. A UJS não foi nessa onda e atendendo ao chamado popular defendeu desde o início a unidade das forças progressista como forma de enterrar de vez a “Era Tasso”, para escrever uma nova página da história do Ceará.

Que venha 2011
O resultado final de todas essas batalhas políticas é muito promissor. Nesse novo cenário, renovam-se as esperanças de mais conquistas sociais para o povo cearense. E para a juventude, surgem mais oportunidades e novas exigências, pois mais do que nunca está em suas mãos o futuro do Brasil. Aos militantes da UJS do Ceará, fica a missão de levar a toda essa massa juvenil uma mensagem de solidariedade, tolerância e respeito à humanidade e ao planeta em que vivemos.

Que venha um ano repleto de conquistas e felicidades!
Saudações juvenis!



Flávio Vinícius
Presidente estadual da UJS/Ce

Leia mais...

Diretoria Executiva da UBES define o local do 1º Encontro de Grêmios e valores de credenciamento  

O campus Maracanã da UERJ será o cenário do 1º Encontro Nacional de Grêmios da UBES. A taxa de inscrição é de R$ 25

Aconteceu na última sexta-feira, dia 17, na sede das entidades estudantis, em São Paulo, a última reunião da Diretoria Executiva da UBES e da comissão organizadora do 1º Encontro Nacional de Grêmios Estudantis, que acontecerá no próximo mês de janeiro, entre os dias 15 e 18, no Rio de Janeiro. Na oportunidade, alguns pontos importantes foram discutidos, como valor de credenciamento e alojamento.

O local escolhido para a realização das atividades do encontro de grêmios foi a Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ), localizado no bairro Maracanã, zona norte da capital fluminense. As atividades esportivas serão recebidas no Centro de Educação Tecnológica (CEFET), no mesmo bairro.

Visando uma maior comodidade aos participantes do encontro, o prazo para a realização do cadastro foi estendido para o dia 30 de dezembro. (abaixo segue o link para cadastro)


Durante a reunião, foram aprovadas também as bandeiras que vão nortear a construção do documento base da UBES, para o encontro de grêmios. São eles:

* 10% do PIB para Educação;
* Ampliação das Vagas na Educação Profissional e Técnica;
* Modelo de Acesso a Universidade;
* Valorização profissional;
* Novo Curriculo para o Ensino Médio;
* Qualidade da Educação Básica;
* Reserva de vagas nas IES publicas e nos IFs para alunos oriundos das escolas publicas;
* Sistema Nacional Articulado de Educação;
* Regulamentação do Ensino Privado;
* Ampliação das Vagas nas IES Publicas

A próxima reunião ficou marcada para o próximo dia 10 de janeiro, no Rio de Janeiro.

Ao todo, serão quatro dias em que os alunos terão a possibilidade de participar de atividades como oficinas de comunicação, finanças, atividades esportivas e debates sobre o papel da mulher na sociedade, o movimento LGBT, meio ambiente e cultura, como montar o estatuto do grêmio, captação de recursos, entre outros.


INSCRIÇÕES INDIVIDUAIS PARA O 1º ENCONTRO NACIONAL DE GRÊMIOS ESTUDANTIS DA UBES

Fazer parte desse que promete ser a principal atividade da entidade é muito fácil. Basta o representante de cada grêmio fazer a inscrição da entidade online clicando no link abaixo. Para concretizar a inscrição, o grêmio precisa enviar para a sede da UBES (Rua Vergueiro, 2485, Vila Mariana, São Paulo-SP, CEP: 04101-200) alguns documentos: ata de eleições e posse da gestão e a ata da reunião da diretoria que indica os representantes do grêmio para o encontro.

O pagamento será feito somente no local onde o encontro será realizado, na unidade Maracanã da UERJ. O estudante, no ato do pagamento, deverá apresentar um documento para sua identificação para retirar um crachá que lhe dará acesso livre a todas as atividades do encontro, inclusive alojamento e alimentação. O valor de inscrição será de R$ 25,00.

Vale lembrar que o 1º Encontro Nacional de Grêmios da UBES é uma atividade integrada à 7º Bienal da UNE, o maior festival estudantil da América Latina, que acontecerá entre os dias 18 e 23 de janeiro, também na cidade maravilhosa. É importante salientar que, para quem desejar participar dos dois eventos (Encontro de grêmios e Bienal), o valor de credenciamento será de R$ 65,00 a serem pagos diretamente na UERJ. Caso o estudante já tenha feito a inscrição para a bienal, basta levar o comprovante de pagamento e efetuar o valor do encontro de grêmios.


Confira a tabela de valores abaixo:


Valor integral do Encontro de Grêmios: R$ 25 (dá direito a todas as atividades, transporte e alojamento)

Valor integral para participação no Encontro de Grêmios e Bienal: R$ 65

*As inscrições para o 1º Encontro Nacional de Grêmios da UBES foram prorrogadas até o dia 30/12/2010. Após essa data, no local do evento, só serão credenciados observadores. Por isso vale ressaltar a importância de se cadastrar para garantir seu lugar.

Leia mais...

Fui selecionado para a mostra da 7ª Bienal, e agora?  

Nos últimos dias a Bienal da UNE divulgou a lista dos trabalhos selecionados para a sua 7a edição, entre os dias 18 e 23 no Rio de Janeiro. Passada a fase de comemoração pelos projetos aprovados nas diversas áreas, é hora de tirar as principais dúvidas sobre a participação na mostra da 7ª Bienal. É muito importante que todos os grupos ou proponentes individuais, dos diversos estados brasileiros, aproveitem esse momento para saber como será o credenciamento, estrutura, informações sobre a programação e outros detalhes da mostra.And here is the rest of it.

Leia mais...

Orgulho de Ser Nordestino!  

A União da Juventude Socialista (UJS) do Ceará vem a público se manifestar contra mais uma demonstração pontual de racismo contra o povo do Nordeste do Brasil. Em menos de um ano, outro episódio de preconceito regional, desta vez do estudante que assina como “Caio César, de 20 anos”, expõe ao público mais um caso grave deste tipo de atitude irracional, ao tomar dimensão nacional, já que o primeiro foi em plena eleição da presidente Dilma Rousseff, quando a estudante de direito de São Paulo, Mayara Petruso, atacou com expressões preconceituosas o povo nordestino.

Este novo episódio, referente à homenagem prestada ao povo do Nordeste pela Escola de Samba Acadêmicos do Tucuruvi (Escola da Zona Norte de São Paulo), não pode ser minimizado, mas sim repudiado, porque parece ser uma atitude que se vale da covardia do anonimato que a internet possibilita para expor um lamentável ódio “pessoal” contra toda a sociedade, as culturas e os grupos sociais que compõem essa região do país, o que, em uma dimensão ampla, é um ataque ao próprio povo brasileiro.
O indivíduo que covardemente mandou email para Escola de Samba sob a assinatura de “Caio César, 20 anos” vem defendendo atitudes separatistas que se chocam com a universalização e o humanismo constitucional que defende a igualdade entre todos os brasileiros. Uma ignorância plena e exata que vai na contramão de uma globalização cultural que se expressa através da riqueza da miscigenação entre as raças, pelos hibridismos, pelo sincretismo cultural, de símbolos, e, principalmente, de pessoas.

Mesmo se tratando de uma Manifestação localizada, essa atitude irracional deve ser punida severamente, pois é prevista como crime pela Constituição Federal Brasileira promulgada em 1988. Cabe à Polícia Federal, ao Ministério Público e à Justiça agir com firmeza, dando exemplo a partir da punição do responsável por esse fato para que isso nunca mais aconteça.

Essas reações preocupam não apenas os cearenses e os nordestinos, mas também todas as pessoas sensatas das regiões de onde partem esse tipo de manifestações. Sabemos que a imensa maioria das pessoas do Sudeste, do Centro-Oeste e do Sul é absolutamente contra esse ódio manifestado por pessoas pobres de espírito, de caráter, que destilam o preconceito de raça, cor, etnia, gênero, sexualidade, classe e, sobretudo, contra qualquer um que eles - a partir de impressões subjetivas – julguem diferentes ou desiguais a eles.

A UJS, que levanta no Estado, no Nordeste e no Brasil a bandeira do socialismo, principalmente através da união, da igualdade e da harmonia entre todas as raças, etnias, gêneros, sexos, culturas, vem repudiar veementemente mais esse lamentável ato, conclamando a todos e a todas a tomarem a mesma atitude. Acreditamos que a educação, a convivência e a fraternidade são as principais e mais potentes armas contra esse tipo de discriminação, e a igualdade entre os seres humanos é o principal passo para este mundo utópico mais educado e mais fraterno.

União da Juventude Socialista do Ceará

Leia mais...

Lula entrega mais cinco unidades do IFCE  


Na segunda-feira, 27, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva e o ministro da Educação, Fernando Haddad, inauguram, de forma simultânea, mais 31 escolas federais de educação profissional, contemplando todas as regiões do país. No Ceará, as unidades a serem inauguradas são os cinco campi avançados do IFCE, localizados nos municípios de Camocim, Caucaia, Morada Nova, Tabuleiro do Norte e Ubajara.

O ato conclui a entrega das 214 unidades previstas no plano de expansão da rede federal de educação profissional e tecnológica, que teve a primeira fase lançada em 2005 e a segunda em 2007. Ao todo, cerca de R$ 104 milhões já foram investidos na construção das novas escolas, distribuídas entre doze estados e no Distrito Federal. Estas unidades ofertam 79 cursos com 3.700 matrículas.

“Em oito anos mais que dobramos o tamanho e a capacidade da rede federal. Saímos de 140 para 354 escolas e de 140 para 348 mil matrículas. Todas as regiões foram beneficiadas com cursos técnicos e de tecnólogo”, destacou Eliezer Pacheco, secretário de educação profissional do Ministério da Educação.

Fonte: www.ifce.edu.br

Leia mais...

Resultado dos trabalhos aprovados para a 7ª Bienal da UNE  

Como de costume, durante as bienais da UNE, acontece a tão esperada Mostra Artística e Científica, um dos motores que giram o movimento cultural protagonizado pela entidade para socializar os projetos desenvolvidos pela juventude. Este ano, a 7ª Bienal da UNE tem mais o que comemorar: foram 1101 inscrições de trabalhos vindas de todos os cantos do Brasil, da Paraíba a Porto Alegre, do Acre a Minas Gerais, entre vídeos, instalações, peças de teatro, bandas de música, obras literárias e outros, que conseguiram cumprir com êxito o papel de engrossar o caldo e qualificar ainda mais esta edição.

Leia mais...

Praia do Flamengo 132, nada será como antes  

Em evento com a participação do presidente Lula, governador Sérgio Cabral, arquiteto Oscar Niemeyer, além de diversas autoridades, UNE e UBES comemoram o lançamento da pedra fundamental que reerguerá seu prédio na zona sul do Rio



A funcionária pública Maria Arlinda de Castro, 68 anos, moradora da Praia Flamengo no Rio há mais de 40, ajeitava-se na grade de proteção montada em frente ao número 132, na tarde dessa segunda-feira, 20 de dezembro. Ao seu lado, chegavam centenas de curiosos, vendedores ambulantes, turistas e outras pessoas cuja atenção se prendia no enorme painel de 18 metros de comprimento e 6 de altura, montado em frente ao endereço e onde se impõe uma foto do ex- lider estudantil e presidente da União Nacional dos Estudantes (UNE) Honestino Guimarães, um dos muitos desaparecidos políticos da ditadura militar.

Muita gente não entendia ainda a movimentação e alguns burburinhos davam conta da visita do presidente da republica mais positivamente aprovado desde a redemocratização: “Lula vem aí”, ouvia-se. No entanto, a maioria não sabia o que aconteceria dentro daquele terreno, que por muitos anos abrigou somente um estacionamento. Dona Maria Arlinda sabia. No dia primeiro de abril de 1964, ao voltar do trabalho por volta das 19h, ela percebeu que o trânsito estava interrompido. Descendo a pé e caminhando em direção ao número 132, viu o prédio da UNE e da UBES pegando fogo, destruído pela ditadura militar recém- instalada no país: “Foi muito triste e chocante”, relata.

Depois disso, dona Maria Arlinda testemunhou todo o período de perseguições da ditadura, acompanhou a proclamação do AI-5, viu pessoalmente a sede dos estudantes ser demolido em 1980, acompanhou a redemocratização do país em 1985, votou cinco vezes em Lula para presidente e, nessa tarde, retornou ao endereço numero 132 para vê-lo inaugurar as obras que reconstruirão o prédio da UNE e da UBES. De acordo com o projeto de lei 12.260, de 21 de junho de 2010, aprovada por unanimidade no Congresso Nacional, o Estado Brasileiro reconhece a responsabilidade pelo incêndio e demolição da casa dos estudantes, investindo agora em sua reparação.

Chegadas

Em frente ao terreno e por suas imediações, onde o trânsito estava interrompido e diversos carros de reportagem se amontoavam, balões ornamentavam a entrada e capacetes de construção da UNE e UBES eram distribuídos aos convidados. Entre ele muitos e emocionados ex-presidentes das duas entidades como José Frejat (1950), Aldo Arantes (1961) Jean Marc Von der Weid (1969), Wadson Ribeiro (1999), Gustavo Petta (2003 e 2005), Orlando Silva (1995), Lindberg Farias (1992), Thiago Franco (2006), Marcelo Gavião (2004), além de um dos fundadores da UNE, Irum Santana e da ex-esposa de outro, Francisca Talarico, que foi casada com José Gomes Talarico, falecido no início de dezembro. Francisca foi homenageada no evento e recebeu uma placa.

O clima de confraternização entre as gerações é brevemente interrompido com a chegada do arquiteto Oscar Niemeyer, que completou 103 anos de vida recentemente. Erguem-se as mãos de todos em aplausos ou empunhando câmeras e celulares para registrar uma imagem do homem que desenhou Brasília e que, também, generosamente cunhou o projeto da nova sede da UNE e UBES no local.

A agitação na Praia do Flamengo, 132 já era completa quando chegou o presidente Lula, acompanhado de sete ministros, do governador do estado do Rio Sérgio Cabral, do prefeito da capital Eduardo Paes, de deputados e senadores, além de outras autoridades. Aos poucos, as pessoas foram se ajeitando dentro do terreno, entre elas Dona Maria Arlinda. O escritor Arthur Poerner, talvez o maior conhecedor da história do movimento estudantil brasileiro, lembrou-se de outra visita de Lula ao local em 2008 e cochichou uma importante observação “É a primeira vez na história do Brasil que um presidente visita, duas vezes, a sede da UNE”.

Dia histórico
Se ainda havia alguém no local ainda não contaminado pela palpitação de um dia histórico, foi obrigado a render-se com a exibição de um vídeo contando a história do movimento estudantil e da sede na Praia do Flamengo. O telão homenageou jovens como Helenira Rezende e Honestino Guimarães, enquanto o público gritava “presente” a cada nova foto mostrada. Ao final da exibição, e ainda antes do presidente da UNE Augusto Chagas dizer as primeiras palavras, o coro da platéia já tomava conta de todo espaço: “A nossa história ninguém apaga, UNE e UBES de volta para casa”.

Augusto comemorou a presença de tantos personagens históricos do movimento estudantil no evento: “Essa platéia é a cara da UNE, com toda amplitude de idéias e pessoas que fazem a nossa luta por todos esses anos”. O presidente da UNE ressaltou, sob aplausos, que o projeto de lei que permitiu a indenização para reconstrução da sede não foi questionado por nenhum parlamentar de nenhum partido político. Dirigindo-se a Lula, afirmou: “Alguns não entendem a nossa relação presidente, confundem com subserviência, mas nós sabemos muito bem que essa reparação não representa favor ou agrado de ninguém, isso é justiça e nós reconhecemos a sua grandeza por ser sensível a isso”.

O presidente da UBES, Yann Evancovick fez questão de homenagear aqueles que tombaram e perderam suas vidas na esperança de retornar à Praia do Flamengo 132: “Quando este prédio se reerguer, se erguerão juntos os sonhos daqueles que por aqui passaram, que lutaram por esse momento que agora vivemos”. Lembrou também que a reconstrução da sede irá revigorar as lutas do movimento estudantil no próximo período. “Quero inclusive te convidar, presidente Lula, para a nossa jornada de manifestações no mês de março, por bandeira como 10%
do PIB e 50% do Fundo Social do Pré-Sal para a educação brasileira”.


Lula e os estudantes
Antes de tomar a palavra, Lula vestiu o capacete da UNE e inaugurou a pedra fundamental do novo prédio e conheceu a nova maquete do projeto. Assim que começou a falar, fez questão de render efusivos elogios a Oscar Niemeyer, aplaudido de pé por todos os presentes: “Niemeyer é motivo de orgulho para todos nós e uma lição àqueles, muito mais novos, que às vezes se mostram indispostos ou cansados para ir a uma passeata, uma assembléia ou outra atividade importante”, disse o presidente.


Muito à vontade, Lula também ressaltou que a relação de seu governo com os estudantes não envolveu complacência de nenhum dos lados: “O que fizemos foi um pacto para criar uma pequena revolução na educação desse país”, afirmou, referindo-se depois a programas como o Prouni e o Reuni, amplamente discutidos com o movimento estudantil e que permitiram a entrada de milhões de jovens nas universidades brasileiras. “Nenhuma decisão do nosso governo foi tomada sem consultar vocês”.

O presidente também deixou sua homenageou os jovens que perderam suas vidas durante o período da ditadura militar: “Precisamos aprender, na verdade, que quando um companheiro tomba, ele precisa nos inspirar a continuar lutando, ser a marca da nossa luta ate conseguirmos. O que vocês estão conquistando hoje é muito mais do que um espaço para uma sede, o que se ganha aqui hoje é um espaço para consolidar a democracia no Brasil”.

Em tom de despedida, o presidente finalizou: “Aproveitando que este é meu ultimo pronunciamento para os estudantes brasileiros, queria dizer que foi uma grande honra estar ao lado de vocês. Vou carregar uma lembrança extraordinária disso tudo até o ultimo dia da minha vida”.

Nada será como antes
Encerrada a atividade, depois que o presidente desceu do palco e conseguiu vencer, carinhosa e pacientemente, a avalanche de abraços, beijos e outros afetos do público, a Praia do Flamengo podia, enfim, começar a voltar à normalidade. A empresa de trânsito liberava as pistas, as equipes de reportagem retornavam as redações para produzir as matérias, as autoridades deixavam o local nos carros oficiais. Alguns ex-presidentes da UNE, amigos e apoiadores estenderam a comemoração no Boteco da Praia, que fica logo ao lado do terreno, até a meia noite.

No entanto, quando a noite realmente caiu, o que sobrou de tudo foi apenas o gigantesco painel de Honestino Guimarães em frente ao número 132. Muitos que passam pelo local agora devem estar se perguntando o que representa aquela bela foto de um jovem, de punhos erguidos, indiscutivelmente convicto, com um semblante forte e positivo.

A resposta está lá dentro do terreno, grafada no texto da pedra fundamental que foi inaugurada:

“O poder imaculado dos jovens
o traço de Oscar Niemeyer
e a rebeldia desta pedra
dizem que a casa dos sonhos invencíveis
nunca será derrubada

Em memória a todos que fazem parte desta história
Rio de Janeiro, 20 de dezembro de 2010”


A casa dos sonhos inesquecíveis
Quarenta e seis anos depois, hoje é o dia em que marcamos a pedra fundamental das obras para reerguer essas paredes e reabrir as portas e janelas da chamada “casa do poder jovem”.

Mais um capítulo se encerra para que outro se inicie, mais uma demonstração da vitalidade da juventude brasileira. Aqui, neste histórico pedaço de chão no Rio de Janeiro, começa a reforma da “casa da resistência democrática”.

A aprovação por unanimidade no Congresso Nacional do projeto de lei 22.260/ 2010 reconheceu corajosamente a dívida do estado brasileiro com seus estudantes durante um regime de exceção que ousou vencer a primavera, ceifando-lhe as flores.

No entanto, os sonhos daqui nunca saíram. Foram invencíveis. Não há como deter a alvorada, por mais escura que seja a noite. Em breve, os traços de Oscar Niemeyer darão vida a uma conquista de gerações.

Agradecemos a vocação democrática do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, personagem fundamental em todo esse processo sempre acreditando na volta definitiva da UNE e da UBES para o seu lar, na Praia do Flamengo, 132.

Mãos a obra!

Da Redação


Leia mais...

Ceará se prepara para participar da 7ª Bienal da UNE  

O encontro acontece entre os dias 18 e 23 de janeiro na cidade do Rio de Janeiro.

Maior festival cultural estudantil da América Latina, a 7ª Bienal de Cultura e Arte da UNE promete sacudir a cidade do Rio de janeiro entre os dias 18 e 23 de janeiro de 2011. Como tema "Brasil no estandarte, o samba é meu combate", o encontro realça o papel da cultura popular na formação e identidade do povo brasileiro.

Por sua tradição e efervescência cultural, o Ceará não vai ficar de fora e já prepara uma grande caravana para a 7ª Bienal da UNE. Entre aqueles que já inscreveram seu trabalho e aqueles que vão escrever, estão também os que só querem participar do festival estudantil.

Vem com a gente!

Para organizar a caravana cearense e orientar os participantes, vai rolar neste sábado, 18/12, um encontro na Reitoria da UFC, às 14h30.

Nos vemos por lá!

Informações: Ivo Braga 87464265 cearanabienal@gmail.com

http://www.une.org.br/

UJS Ceará

Leia mais...

Conjuve se reúne e define novo presidente  

Conselho Nacional de Juventude promove último encontro de conselheiros em 2010 para balanço de metas e escolha de novo dirigente.

O Conselho Nacional de Juventude (Conjuve) realiza entre os dias 13 e 15 de dezembro sua 23ª reunião ordinária, na qual conselheiros e conselheiras irão definir o documento de análise das Políticas Públicas de Juventude (PPJs) e a presidência do órgão para 2011. A eleição, interna e com voto aberto, acontecerá no dia 14 de dezembro, em Brasília (DF). Todos os conselheiros titulares do governo e da sociedade civil podem votar.

A agenda dos conselheiros teve início na segunda-feira (13), com o trabalho das comissões de acompanhamento de políticas e programas e de comunicação. Avaliações, balanço e diretrizes para o próximo ano foram alguns itens das pautas. Na terça-feira (14), a Esplanada dos Ministérios recebe atividades que englobam a apresentação do documento de balanço das ações do Governo Federal pela comissão de acompanhamento de políticas e programas. À tarde, é a vez da eleição para presidência do Conjuve que, de acordo com o princípio da alternância, passará para a sociedade civil. Na quarta-feira (15), a agenda está reservada para atividades com a Presidência da República.

Falando ainda sobre o processo eletivo, sete são os candidatos ao cargo: Ângela Guimarães, da União de Negros pela Igualdade (UNEGRO); Gabriel Alves, do Centro de Cultura Popular (CPC); Gabriel Medina, do Fórum Nacional de Movimentos e Organizações Juvenis (FONAJUVES); João Marcos Vidal, da União Geral dos Trabalhadores (UGT); Josbertini Virginio, da Empreendedores de Sonhos; Luciana Martinelli, da ARACATI – Agência de Mobilização Social; e Samoury Mugabe, da Articulação Política de Juventudes Negras (APJN). Um deles irá substituir Danilo Moreira, que desde 2008 vem realizando um trabalho intenso de mobilização por políticas públicas voltadas ao jovem no comando do Conselho.

Danilo, que representa a Secretaria Nacional de Juventude (SNJ), terá mandato mais curto que os anteriores. A antecipação das eleições foi iniciativa da própria SNJ, que na 4ª reunião extraordinária realizada em abril de 2010 sugeriu a mudança ao Conjuve, com objetivo fortalecer a sociedade civil já nos primeiros momentos do novo governo.

Leia Mais: Carta dos candidatos à presidência do Conjuve

Com informações do Conjuve.

Leia mais...

DCE UVA promove Pré-Bienal da UNE  


Para divulgar a 7º Bienal de Arte e Cultura da entidade, a União Nacional dos Estudantes (UNE) promove pré-bienais nas Instituições de Ensino de todo o país. Na UVA, o Diretório Central dos Estudantes e a UNE promovem um sarau no próximo dia 02 de dezembro com o tema “A procura da batida perfeita”.

O evento que tem início previsto para as 19h será realizado no Espaço Cultural “Casa de Raquel de Queiroz”, no campus Betânia. Confirmaram presença a Profª. Drª Regina Raick, do departamento de Ciências Sociais da UVA, Augusto César, diretor de Cultura da Prefeitura Municipal de Meruoca, e Raimundo Gonzaga Melquiedes, Presidente da Escola de Samba Unidos do Alto do Cristo.

O sarau traz como proposta debater diversas expressões culturais como a dança, o teatro e o samba. Num contexto regional e da formação histórica da cultura brasileira.

VII Bienal de Cultura e Arte da UNE

Com o tema “Brasil no Estandarte, o samba é meu combate”, a Bienal de Arte e Cultura da UNE será realizada de 18 a 23 de janeiro de 2011, na cidade do Rio de Janeiro e chega a sua 7ª edição reconhecida como maior festival estudantil da América Latina.

Para saber como participar da VII Bienal de Cultura e Arte da UNE, visite o site www.une.org.br ou obtenha informações com o DCE UVA pelo telefone: (88) 3611-6557 ou pelo e-mail: dceuva@hotmail.com

Leia mais...

Pré-Bienal da UNE no Ceará acontecerá no CH da UFC  

Na próxima quarta-feira (01) ocorrerá na UFC uma aula show que marcará a mobilização do estado do Ceará à 7ª Bienal de Arte e Cultura da UNE. Com a temática “Cultura em Movimento: UNE do CPC ao CUCA” o evento reunirá nomes que participaram em diferentes épocas do movimento cultural universitário para um grande bate-papo intercalado com música, vídeos e fotografias.

Estarão presentes o cineasta cearense Francis Vale, que participou do CPC da UNE, Rodger Rogério, músico e militante estudantil na década de 60, João Soares, músico que vivenciou o movimento Massafeira no final da década de 70, Elza Ferreira, que integrou o GRITA – Grupo Independente de Teatro Amador, um histórico grupo de teatro que emergiu do movimento estudantil da UFC e a coordenação nacional do CUCA da UNE que em 2011 completará 10 anos.

A mobilização está sendo feita através da internet e nas salas de aula de várias instituições de ensino. “O objetivo da Pré-Bienal é incentivar os estudantes cearenses a inscreverem seus trabalhos na 7ª Bienal da UNE e proporcionar o debate cultural dentro da Universidade, tendo em vista a constituição do CUCA da UNE em Fortaleza”, afirma o diretor da UNE, Ivo Braga.

Serviço:
O que? Pré-Bienal da UNE em Fortaleza
Onde? Auditório da Biblioteca do CH I da UFC (Av. da Universidade, 2683 – Benfica)
Quando? 01 de Dezembro, às 10h
Informações: (85) 8746-4265 / (85)9902.3767 – Ivo Braga

Leia mais...

UJS se prepara para novos desafios no Ceará  

Após a intensa participação nas eleições deste ano e da disputa pelo Diretório Central dos Estudantes (UFC) através da chapa DCE de Verdade, a União da Juventude Socialista (UJS) no Ceará se prepara para encarar novos desafios e manter mobilizada a juventude cearense.

A participação da UJS no processo eleitoral no Ceará foi decisiva. Contribuindo ativamente com as campanhas e apoiando as candidaturas, a juventude cearense imprimiu sua marca de compromisso com as forças democráticas e progressistas no Estado.

Após a vitória nas urnas, a militância da UJS voltou-se para a disputa das eleições do DCE da UFC, realizada entre os dias 9 e 11 de novembro deste ano. Apesar de derrotada, por apenas 223 votos, a chapa DCE de Verdade avalia positivamente a atuação da entidade no processo eleitoral. “Diante das dificuldades que enfrentamos, por ser fim de semestre e também período pós-eleições, nos saímos bem na disputa”, avalia Flávio Vinícius, presidente estadual da UJS no Ceará.

Flávio Vinícius citou ainda outros problemas enfrentados pela chapa. “Tivemos também dificuldades de acompanhar a Comissão Eleitoral. Soubemos de urnas que não foram abertas em Fortaleza e também o caso de uma urna de Quixadá que não veio para cá. Apesar dessas irregularidades, enfrentando dificuldades, não sendo vitoriosos, consideramos que saímos fortalecidos deste processo”, avalia.

Para o presidente estadual da UJS, o desafio da entidade agora é continuar e fortalecer o processo de mobilização da juventude socialista. “Agora estamos focados na nossa participação do Conselho Nacional de Entidades de Bases (Coneb) e da Bienal da UNE. Ambas acontecerão em janeiro de 2011 no Rio de Janeiro”, informa. Ainda segundo Flávio Vinícius, concluídos os encontros, o foco da UJS no Ceará será mobilizar a juventude nas principais universidades públicas e privadas do Estado.

Mais sobre a Eleição do DCE

- A chapa “Lutamos Porque Sonhos Não Envelhecem” ficará mais um ano à frente do DCE da UFC. A chapa da situação recebeu 3727 votos.

- A chapa DCE de Verdade, apoiada pela UJS, recebeu 3504 votos

- Apenas 223 votos de diferença garantiram a reeleição da chapa da situação

-a A eleição aconteceu entre os dias 9 e 11 de novembro. O resultado com a chapa vencedora foi divulgado no dia 13 de novembro

De Fortaleza,
Carolina Campos

Fonte: www.vermelho.org.br

Leia mais...

Conjuve e SNJ participam da Conferência sobre Desenvolvimento do Ipea  

Representantes da juventude farão parte de evento que debate os rumos do país para um crescimento sustentável e includente.

Entre os dias 24 e 26 de novembro, o Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) realizará em Brasília a 1ª Conferência do Desenvolvimento (Code), levando parte do seu conhecimento em pesquisas econômicas para um amplo debate na Esplanada dos Ministérios, onde estarão presentes os mais diversos segmentos de governos e da sociedade civil.

Considerando o papel que a juventude deve ter em qualquer projeto de desenvolvimento, o Instituto convidou a Secretaria Nacional de Juventude e o Conselho Nacional de Juventude a apoiarem o evento, estimulando a participação dos jovens nessa importante discussão, que ocorre justamente no momento em que o país inicia uma nova etapa do seu processo democrático, com a eleição do (da) novo (a) presidente da República.

A conferência tem entrada franca e os interessados devem fazer suas inscrições até 5 de novembro. É importante ressaltar que as despesas com passagem, deslocamentos e hospedagem ficarão a cargo dos participantes. A inscrição prévia foi exigida em função da limitação de lugares nos espaços onde ocorrerão os debates. Isso significa que os inscritos terão prioridade nesses espaços, que poderão ser acessados por quem não se inscreveu, desde que haja vagas. Haverá, ainda, espaços de visitação, com acesso livre a todos que vierem ao local.

O objetivo do Ipea é atrair toda a sociedade: estudantes, professores, trabalhadores em geral, donas de casa, autoridades, intelectuais, enfim, todos aqueles que tiverem interesse em conhecer um pouco mais sobre a realidade brasileira, por meio de vídeos, livros, projeções, oficinas, exposições e palestras. O evento contará com mais de 200 palestrantes, nove painéis temáticos sobre desenvolvimento, 88 oficinas e 50 lançamentos de livro. A Conferência contará, também, com uma vasta programação cultural.

De acordo com os organizadores, as exposições serão norteadas pelos sete eixos temáticos do desenvolvimento definidos pelo Instituto: inserção internacional soberana; macroeconomia para o desenvolvimento; fortalecimento do Estado, das instituições e da democracia; estrutura tecnoprodutiva integrada e regionalmente articulada; infraestrutura econômica, social e urbana; proteção social, garantia de direitos e geração de oportunidades; além da sustentabilidade ambiental.

Segundo o presidente do Conjuve, Danilo Moreira, a participação das organizações da sociedade civil que atuam com políticas de juventude é fundamental nesse evento. “Esta é uma grande oportunidade de reunir a produção do Ipea e as lideranças da sociedade civil neste debate que aponta a importância da juventude para o desenvolvimento do Brasil”, afirmou.

Mais informações sobre o evento pelo site http://www.ipea.gov.br/code
Por Conjuve.

Leia mais...

17º Festival Mundial da Juventude e dos Estudantes será em dezembro, na África  


Vem aí o 17º Festival Mundial da Juventude e dos Estudantes (FMJE), que será em Johanesburgo, África do Sul, entre 13 e 21 de dezembro


Organizado pela Federação Mundial da Juventude Democrática (FMJD) juntamente com a União Internacional dos Estudantes, o 17º Festival Mundial da Juventude e dos Estudantes será o espaço para o intercâmbio de ideias e experiências, e constituirá uma plataforma para reunir esforços e intensificar as lutas nos países dos jovens participantes. Com 63 anos de tradição, o festival se consolidou no roteiro de atividades de organizações que lutam pela paz no cenário internacional. Nesta edição o Festival terá como tema: "Por um Mundo de Paz, Solidariedade e Transformações Sociais, derrotemos o imperialismo!".

No evento são discutidos temas de interesse da juventude mundial como educação, emprego, esporte, cultura, saúde, entre outras inúmeras atividades de intercâmbio social, também exposições, concursos artísticos e torneios esportivos.

História

O FMJE é o principal encontro internacional de juventude, cuja primeira edição foi realizada na cidade de Praga, antiga Tchecoslováquia, dois anos após o final da Segunda Guerra Mundial. Na ocasião, teve como eixo central a denúncia dos crimes cometidos pelo nazifacismo. De lá para cá, o Festival percorreu os continentes europeu, asiático, africano e latino americano. O mais recente foi organizado na cidade de Caracas, capital da Venezuela, em agosto de 2005. Esta será a primeira vez que o evento ocorrerá na África subsaariana.

O festival deve reunir mais de 20 mil jovens no mês de dezembro no distrito de Soweto, bairro no subúrbio de Johanesburgo, que ficou mundialmente conhecido como palco de resistência anti-racista na luta contra o Apartheid, como foi o Massacre de Soweto em 1976, quando houve uma repressão policial a uma passeata estudantil com mais de 10 mil participantes. A África do Sul é também foi o foco de atenção de todo o mundo por sediar a Copa do Mundo de Futebol, em junho deste ano.

FMJD

http://www.une.org.br/

Leia mais...

7ª Bienal da UNE já tem data e local confirmados  

Cidade da Copa de 2014 e Olimpíadas de 2016 recebe mais de 10 mil estudantes do Brasil e da América Latina entre os dias 18 e 23 de janeiro de 2011.

O maior e mais aguardado festival estudantil da América Latina já tem data, tema e local definidos. Dando início à série de grandes eventos que a cidade do Rio de Janeiro sediará nesta década – incluindo a Copa 2014 e as Olimpíadas de 2016 - a 7ª Bienal da UNE acontecerá entre os dias 18 a 23 de janeiro de 2011. Os seis dias de evento terão atividades culturais, científicas e esportivas espalhadas por diversos espaços da capital carioca. A principal parte da programação estará concentrada no Aterro do Flamengo, imenso complexo de lazer com projeto paisagístico de Burle Marx, e na Lapa, reduto histórico da boêmia cultural e festiva, marca característica do Rio.

São esperadas mais de 10 mil pessoas para o evento, que na sua sétima edição homenageia o samba com o tema “Brasil no estandarte, o samba é meu combate”. Segundo o presidente da UNE, Augusto Chagas, a Bienal será, como sempre, ampla e plural: “É o espaço para o encontro de todas as juventudes em suas mais diversas expressões, um evento com potencialidade de divulgar as produções artísticas e culturais dos estudantes de todas as regiões do Brasil. É, também, o momento da UNE dialogar com outras manifestações, como a ciência, a tecnologia, e o esporte, que terá papel destacado desta vez”, declara.

“Brasil no estandarte, o samba é meu combate” - Ao longo de 11 anos, as bienais já pautaram a herança africana na cultura do país, os vínculos do Brasil com a América Latina, a cultura popular e as raízes de formação do povo brasileiro. A 7ª Bienal representa um amadurecido trajeto em busca dessa compreensão. Nessa edição, a União Nacional dos Estudantes privilegia o samba como elemento icônico da brasilidade, buscando, para além da sua história musical, entender como se apresenta nas dimensões sociais, críticas e estéticas da nação.

Segundo o diretor de Cultura da UNE e coordenador-geral da 7ª Bienal, Fellipe Redó, o festival apresentará um olhar sobre o samba que ultrapassa sua imagem puramente festiva ou carnavalesca. “Nos inspiramos no gênero musical tido como uma marca de trocas sociais, uma possibilidade autêntica de valorização da brasilidade, o estilo de vida, os lugares e os personagens que fazem do samba o seu relato mais íntimo do dia-a-dia e a sua manifestação maior de combate. Muito mais do que música, samba é o jeito de viver, gingar, pensar e decidir”, reflete.

CUCA da UNE celebra 10 anos - A 7ª Bienal celebra também os 10 anos do Circuito Universitário de Cultura e Arte, o CUCA da UNE, uma das mais instigadoras experiências do movimento estudantil que foi inovadora no conceito de formação de uma rede interligada de Pontos de Cultura país afora. O CUCA, criado a partir da 2ª Bienal, em 2001, no Rio de Janeiro, retorna à cidade para comemorar uma década de valorização da produção cultural nacional no interior das universidades, reunir “cuqueiros” de todo o Brasil e propor novas frentes de ações para o próximo período.

13º CONEB da UNE - Como atividade integrada à 7ª Bienal, ocorrerá entre os dias 14 a 17 de janeiro, no Riocentro, o 13º Conselho Nacional de Entidades de Base da UNE. O CONEB é um dos mais importantes fóruns de deliberação do movimento estudantil e reunirá as principais lideranças dos Diretórios e Centros Acadêmicos de todo o Brasil. O tema em debate “A universidade necessária” vai envolver cerca de 3 mil estudantes em mesas e grupos de discussão para refletir sobre o sentido da universidade nos tempos atuais e a projeção de um novo Brasil a partir da educação.

Como inscrever o seu trabalho na 7ª Bienal - A partir de um qualificado rol de convidados e mesas-redondas, grandes atrações culturais, assim como da transversalidade de linguagens como música, cinema, teatro, arte digital, literatura e artes visuais, a 7ª Bienal da UNE se consolida como o principal instrumento para o mapeamento e difusão da cultura produzida por estudantes de todo o Brasil.

Para inscrever o seu trabalho na áreas de Artes Integradas, Música, Artes Cênicas, Artes Visuais, Audiovisual, Literatura, C&T, Mostra CUCA e Atividades Autogestionadas basta ler o regulamento da 7ª Bienal e fazer o cadastro nos formulários disponíveis no site Estudantenet. As propostas podem ser enviadas até o dia 30/11/2010 e o resultado dos selecionados será divulgado no portal www.une.org.br. Pelo Twitter @bienaldaune, os seguidores poderão acompanhar outras informações. Em breve será lançado também o hotsite da Bienal. Dúvidas poderão ser esclarecidas pelo e-mail bienal@une.org.br.

Por Estudantenet.

Leia mais...

DCE/UVA realiza 1º Fórum Estudantil  

O Diretório Central dos Estudantes da UVA/Sobral realiza na próxima quarta (27), o 1º Fórum Estudantil da UVA, com o tema “Discutindo a Universidade”. A abertura do encontro será no auditório central do Campus da Betânia. Na programação consta a realização de grupos de discussão, com temas que rodeiam o universo acadêmico, como assistência estudantil e democracia na universidade.
Foram convidados professores da UVA para conduzir as discussões nos Grupos e os participantes apresentarão um relatório dos GT´s na plenária final. O evento é uma promoção do DCE da UVA, gestão “Força para lutar, unidade para vencer.”

SERVIÇO

1º Fórum Estudantil da UVA- Discutindo a Universidade

27 de Outubro

A partir: 17h

Local: Auditório Central da UVA Campus da Betânia



Ivina Carla


Leia mais...

UJS mobiliza militância para garantir vitória de Dilma  


No sábado (16), no escritório político do deputado estadual, Lula Morais, a União da Juventude Socialista reuniu a militância para debater o cenário eleitoral e fortalecer a agenda pró-Dilma. A TV da União dos Moradores de Luta do Alvaro Weyne- UMLAW esteve presente e registrou vários depoimentos dos jovens em defesa da candidatura de Dilma. 

A juventude se concentrou em discutir o reforço da campanha, engajamento e uma agenda estratégica, que já está sendo reforçada desde a semana passada. A presidente da UJS de Fortaleza, Niara Farias, alertou para a responsabilidade de cada membro da UJS nesse momento, " todos devem estar nas suas bases nesse segundo turno, a eleição da Dilma é muito importante, principalmente para a juventude, com os programas e a valorização da educação e também um motivo de muito orgulho será eleger a primeira mulher para governar nosso país."

A secretária de organização do PCdoB de Fortaleza, Ana Lúcia também esteve presente na plenária e mostrou a sua satisfação em ver a UJS mobilizada para mais uma batalha, " A UJS é historicamente aguerrida, foi quem primeiro acreditou na derrota do Tasso, impulsionando o "Pega o beco galeguim" e agora se coloca a disposição para derrotar o que há de mais atrasado nesse país, representado pela figura do José Serra, então eu vejo na UJS um grande tentáculo dessa campanha, para sacudir a juventude e vencer as forças do atraso."                

A juventude aprovou na plenária uma carta em apoio a candidatura de Dilma e reforçou a agenda que ocorrerá essa semana, de bandeiraços, panfletagens em escolas e universidades. Após o encerramento, houve uma apresentação cultural em homenagem a banda Legião Urbana.

Ivina Carla
Diretora de Comunicação da UJS

Leia mais...

UJS 26 anos- sessão solene e festa marcam aniversário da entidade  

Nesta semana, a União da Juventude Socialista completa 26 anos de existência, para comemorar esse histórico de lutas e vitórias, uma solenidade na Câmara Municipal de Fortaleza será realizada, por iniciativa da vereadora Eliana Gomes (PCdoB). A direção estadual da Entidade também promoverá no próximo sábado (25), uma feijoada que reunirá amigos e militantes da UJS.

Para o presidente estadual da entidade, Flávio Vinicius, a Sessão Solene na Câmara Municipal é o reconhecimento do papel da UJS na luta pela transformação da sociedade, “quem faz a UJS sabe da responsabilidade de construir uma outra sociedade, e ser reconhecido por isso é uma grande satisfação”, comemora.

A UJS está fazendo uma ampla divulgação para as atividades comemorativas, segundo Flávio, a expectativa é que estejam presentes amigos, estudantes e quem quiser prestigiar a nova idade da entidade, “estamos concentrando esforços para realizar duas atividades em grande estilo, com música e poesia. Quem quiser participar será muito bem vindo.”

Um pouco da história

A União da Juventude Socialista foi fundada em 1984 e reunia jovens do movimento estudantil secundarista, foi protagonista da luta pelo voto aos 16 anos. Participou da frente democrática que apoiou a candidatura de Lula Presidente em 1989 e do movimento “Cara Pintada” mobilizando os estudantes e garantindo a derrota do Presidente Collor nas ruas.

A UJS atua até hoje na defesa de bandeiras importantes para a juventude, como 1º emprego, reserva de vagas para estudantes de escolas públicas nas universidades, contra a homofobia, na defesa de 50% do fundo do Pré-sal.

SERVIÇO I
Sessão Solene em Homenagem aos 26 anos da União da Juventude Socialista
Câmara Municipal de Fortaleza
21 de setembro
Às 14:30

SERVIÇO II
Feijoada
Sede da UJS (Av. Universidade, ao lado da Farmácia Santa Branca- Benfica)
25 de setembro
Às 11:30

Ivina Carla- Diretora de Comunicação da UJS/Ce

Leia mais...

Drogas: Pacto reunirá instituições para enfrentar questão no CE  

Instituições que trabalham no enfrentamento do problema da droga no Ceará são convidadas a integrar o Pacto pela Vida, iniciativa da Assembleia Legislativa, em parceria com o Sindicato dos Médicos do Ceará (Simec), a Associação Cearense de Imprensa (ACI) e a Central Única das Favelas (Cufa). O Pacto prepara um catálogo com mapeamento que vai ajudar na criação de um “Plano de ações integradas frente às Drogas”.

Um levantamento está sendo feito para gerar o catálogo de quem atua nas áreas de “prevenção ao uso de drogas”, “tratamento de usuários”, “repressão ao tráfico” e “reinserção social”. Para isso, um grupo de jovens tem visitado, em Fortaleza, entidades que trabalham com a questão da drogas. A coordenadora técnica do Pacto, Juliana Sena, diz que entidades que ainda não foram contatadas, na capital ou interior, podem entrar em contato pelo e-mail pactopelavida.alce@gmail.com ou pelo telefone 3257 9978.

Juliana estima que existam cerca de 200 instituições, órgãos governamentais e não governamentais e entidades diversas que, de alguma forma, trabalham no Ceará para diminuir ou resolver o problema do uso de drogas. O catálogo com o mapeamento e dados sobre o funcionamento de cada um desses locais vai facilitar a integração de ações e o acesso do público alvo às informações sobre serviços oferecidos pelo estado ou por entidades da sociedade civil no que toca a problemática da droga.

A coordenadora ressalta que o Pacto não tem caráter executivo, mas com o levantamento será possível conhecer a realidade do problema das drogas no Ceará e propor o “Plano de ações integradas frente às Drogas”, a ser pactuado pelos diversos segmentos da sociedade ligados ao problema.

Quem tem um caso de drogadição na família sabe que uma das maiores necessidades no Ceará é local para tratamento do usuário de drogas. Mas o aspecto da saúde é apenas um dos pontos no complexo tecido que envolve a questão. Juliana ressalta que é preciso integrar saúde à educação, esporte, cultura, geração de renda e outros mecanismos que fortaleçam o indivíduo, fazendo com que ele se afaste das drogas.

Para a coordenadora, a mobilização da sociedade é fundamental no processo de construção coletiva desse plano de enfrentamento das drogas.

Fonte: Agência da Boa Notícia

Leia mais...

Vem aí a Semana Nacional de Mobilização da Juventude  

A UJS, ao lado de diversas juventudes partidárias, convoca uma grande movimentação na reta final da campanha eleitoral.

Agregando forças com a JPT, JSB, JS PDT, Juventude Pátria Livre e JPMDB, a União da Juventude Socialista convoca toda sua militância para um engajamento maciço na Semana Nacional de Mobilização, que acontece entre os dias 18 e 24 de setembro. A ideia das entidades é repetir o sucesso do último dia 07 de agosto, em que milhares de pessoas manifestaram publicamente seu apoio à candidatura de Dilma Rousseff.

Dessa maneira, as juventudes pretendem ocupar ruas, escolas e universidades com bandeiraços, panfletagens, caminhadas, adesivagem, carreatas e atividades políticas e culturais para garantir a participação efetiva e decisiva da juventude na eleição de Dilma. A participação é totalmente aberta e qualquer um pode organizar sua própria atividade, bastando apenas enviar as informações do ato para o e-mail galeradadilma@gmail.comEste endereço de e-mail está protegido contra spambots. Você deve habilitar o JavaScript para visualizá-lo. . No Twitter, vale marcar presença com a hashtag #galeradadilma.

A Semana Nacional de Mobilização irá englobar também as comemorações do aniversário da UJS. A direção da entidade prepara uma intensa agenda de atividades por todo o país no dia 22 de setembro, quando a UJS completa 26 anos de lutas. A programação será divulgada em breve e a intenção é estampar nossa bandeira pelas ruas em defesa do aprofundamento das mudanças no Brasil e contra o retorno da direita conservadora.

Para ficar por dentro de todas as novidades da Semana Nacional de Mobilização, vale visitar o site Galera da Dilma.

Fonte: www.ujs.org.br

Leia mais...

Vale do Jaguaribe: UJS divulga nota de apoio a ocupação popular  

O Núcleo do Vale do Jaguaribe da União da Juventude Socialista (UJS) solidariza-se com as famílias das comunidades de São José dos Famas, Assentamento Boa Esperança, Assentamento Oziel Alves, comunidade da Lapa, Sítio Angico, Sítio Santa Lucia, Sítio Juazeiro e os demais atingidos que estão acampados desde o dia 19 de agosto no canteiro de obras da Barragem do Figueiredo no município de Iracema.

É inaceitável que depois de dois anos e meio nenhuma residência tenha sido construída para o reassentamento das comunidades atingidas, nenhuma projeto apresentado. É incompreensível trazer um modelo desenvolvimentista que não traz progresso aos moradores da região, servindo apenas a expansão do agronegócio em nosso querido Vale do Jaguaribe, que já vem sendo devastado com o uso indiscriminado do agrotóxico vitimando fatias sem respostas.

Por isso nós, jovens socialistas do Vale do Jaguaribe, damos todo apoio à ocupação popular da Barragem do Figueiredo e convocamos todos que atuam na defesa da vida e da justiça no campo e da cidade a se fazerem presentes direta ou indiretamente nesta causa.

Por um novo projeto social e desenvolvimentista, contra a criminalização dos movimentos sociais, por respeito à vida, pelo livre acesso a água, por dignidade, respeito, paz e justiça no campo. Exigimos que os órgãos responsáveis (DNOCS, IDACE, INCRA, SDA e demais competente), escutem as comunidades atingidas, respeite e assumam suas reivindicações.

Fonte: UJS Vale do Jaguaribe

Leia mais...

Mobilizar a juventude para garantir uma ampla vitória de Dilma no dia 03 de outubro  

Confira o bate-papo com André Tokarski, presidente da UJS, falando sobre as ações da entidade para essa reta final das eleições.

Eleito presidente da União da Juventude Socialista no 15º Congresso Nacional, André Tokarski teve logo no início de seu mandato um grande desafio pela frente: o pleito de 2010. Diante da responsabilidade de encabeçar a luta da entidade pela continuidade das mudanças implementadas no país nos últimos 8 anos, André fala sobre o trabalho da UJS nas campanhas por todo o Brasil, as colaborações que a juventude socialista pretende dar à plataforma eleitoral de Dilma Rousseff e faz uma convocação para a grande mobilização que irá acontecer em setembro, no dia do 26º aniversário da UJS.

Você percorreu o Brasil nas últimas semanas e teve contato com as diversas atividades da UJS nas campanhas regionais. Como está o trabalho da galera?

A militância da UJS está muito dedicada e concentrada na campanha eleitoral. A UJS quando entra numa batalha, entra unida e luta até o fim. Nossa militância está de parabéns, a bandeira da UJS é destaque em todas as atividades massivas da campanha. Por onde a Dilma passa, em todo o Brasil, tem sempre uma bandeira da UJS erguida. Estamos jogando um papel muito importante na mobilização nacional da juventude na campanha da Dilma. E isso tem se repetido também nos Estados para a eleição de Governadores, Senadores e Deputados Federais e Estaduais comprometidos com a juventude e com o aprofundamento das mudanças no Brasil. Precisamos eleger Dilma, e junto dela uma grande bancada de parlamentares que joguem no time do aprofundamento das mudanças.

Pesquisas apontam cenário favorável para a candidatura de Dilma Rousseff. Qual a importância da manutenção do fôlego da militância nesse contexto?

No futebol, mesmo vencendo uma partida por goleada a vitória só é certa quando o juiz apita e assinala o fim do jogo. Na eleição não é muito diferente. As pesquisas indicam que o povo reconhece em Dilma a continuidade e o aprofundamento das mudanças iniciadas com o Governo Lula. A vida do povo e da juventude melhorou muito, os jovens são os principais beneficiados pelos mais de 14 milhões de empregos gerados durante o governo Lula. É esse apoio que tem garantido um cenário favorável para a eleição de Dilma. Porém, mesmo fragilizada e sem propostas, a oposição conservadora no Brasil não admite a derrota de seu projeto político elitista e, com o apoio da grande imprensa, tenta a todo momento criar factóides para atingir a campanha de Dilma. A eleição tem começo, meio e fim. Estamos exatamente no meio dessa batalha e temos que transformar todo otimismo e apoio popular à candidatura de Dilma em mobilização. Esse é o caminho para a nossa vitória.

Quais contribuições a UJS pode dar ao programa de governo de Dilma e quais compromissos cobrar?

O Brasil vive um momento muito especial para a juventude. Somos 52 milhões de jovens entre 15 e 29 anos, isso é mais de 25% do total da população. É o ápice da onda jovem, a partir da próxima década vai diminuir bastante a proporção de jovens em relação à população. Em primeiro lugar, devemos firmar o compromisso do reconhecimento do papel da juventude no Projeto Nacional de Desenvolvimento. Inúmeras oportunidades estão sendo abertas com o crescimento econômico do país e vão se ampliar agora com a realização da Copa do Mundo, das Olimpíadas e o início das atividades de exploração do Pré-Sal. A juventude tem que ser olhada pelo governo e pela sociedade como uma riqueza em potencial do nosso país. É impensável um processo de transformação econômica e social sem a participação ativa da juventude.

Com o governo Lula já avançamos muito, são mais de 700 mil bolsistas do Prouni, 214 novas escolas técnicas federais, dobramos o número de vagas nas Universidades Federais e o Projovem já atendeu a mais de 1 milhão de jovens. O problema é que a dívida social com a juventude é grande, então temos muito ainda a fazer. Precisamos ampliar e fortalecer o Sistema Nacional de Políticas Públicas para a juventude, para que isso possa estar de fato no centro das ações e de um novo plano de Governo. Na educação, temos que conquistar um novo ensino médio, ampliar ainda mais as vagas no ensino técnico e as vagas públicas no ensino superior. E temos que garantir um bom legado dos grandes eventos esportivos para a juventude, seja no apoio ao desenvolvimento do esporte olímpico ou na construção de milhares de equipamentos públicos, como as Praças da Juventude do Ministério do Esporte, para democratizar o acesso ao esporte e ao lazer. Além disso, acreditamos que é preciso e possível firmar com Dilma compromissos mais profundos, como a destinação de 50% do Fundo Social do Pré-Sal para a Educação, a criação de um programa nacional de bolsas de assistência estudantil para o Ensino Médio e a criação do Ministério da Juventude, alçando a política nacional de juventude a um papel central no próximo governo.

A menos de um mês das eleições, a campanha entra na reta final. O que a UJS está preparando para esse período crítico, no que diz respeito à mobilização?

Precisamos mobilizar a juventude para garantir uma ampla vitória de Dilma no dia 03 de outubro. A orientação para nossa militância é para aumentarmos o ritmo da campanha nesses 33 dias que nos separam da eleição. Nesse período, podemos ativar os comitês de juventude suprapartidários e os comitês estudantis nas escolas e nas universidades. Intensificarmos as panfletagens e as atividades massivas de rua. É importante também firmarmos compromissos programáticos com os candidatos que a UJS apoia. Para isso temos inúmeras propostas como o Pacto pela Juventude, o Projeto Brasil da UNE e da UBES e a Plataforma Eleitoral da UJS. As pesquisas mostram que a ampla maioria da juventude quer votar em Dilma para presidente, então temos que aproveitar essa onda de otimismo e apresentar as ideias da UJS para filiarmos milhares de jovens durante o período eleitoral. A juventude está do nosso lado, temos que transformar esse apoio em mobilização e filiação à UJS. O mês de setembro é especial para nossa organização, pois no dia 22/09 a UJS completa 26 anos de existência. Vamos preparar uma comemoração especial com um Dia Nacional de Mobilização da Juventude em defesa do aprofundamento das mudanças no Brasil e contra o retorno da direita conservadora. Nosso maior presente é a eleição de Dilma com um programa avançado de transformações para o Brasil.

Fonte: www.ujs.org.br

Leia mais...

A juventude nas ruas diz: “pega o beco galeguim”  

O Centro de Fortaleza, nessa manhã de sábado (21), foi ocupado com adesivos, panfletos, bandeiras e uma grande euforia juvenil. “Chegou a hora. Agora sim, pega o beco galeguim”, essa foi a palavra de ordem que concentrou os jovens na Praça do Carmo. Ao som da paródia “Cadê a nossa educação? O galeguim comeu”, os mais diversos rostos se aglomeravam no ato que denunciou as ações do senador Tasso Jereissati durante todas as gestões que ocupou, tanto no executivo, como no parlamento.

Aos poucos a Rua Barão do Rio Branco foi tomada por bandeiras da juventude e também pela distribuição do manifesto contra o senador Tasso Jereissati, que destacava 10 motivos para não votar no Tucano, entre eles a venda da COELCE. As intervenções no microfone conclamavam aos eleitores que fizessem reflexão sobre a postura do “galeguim dos zói azul”.

A caminhada acompanhada por uma bandinha de música invadiu o calçadão da Rua Guilherme Rocha, causando uma grande movimentação até a Praça do Ferreira. Diversos aposentados somaram-se ao ato e fizeram uso do microfone, reforçando a indignação com relação ao Tucano.

O ato político foi realizado pela União da Juventude Socialista, Centro Socorro Abreu, Federação de Bairros e Favelas de Fortaleza, Juventude do PT, Juventude do Partido Pátria Livre, União Nacional dos Estudantes- UNE, União Brasileira dos Estudantes Secundaristas- UBES, Movimentos pela Livre Orientação Sexual- MOVELOS, Associação Cearense dos Estudantes Secundaristas- ACES.

Refrescando a memória

O Senador Jereissati, desde o seu “governo das mudanças”, iniciou uma onda de “desfeitos” no Ceará, gerando um ciclo de anti-desenvolvimento, espalhando miséria, enfraquecimento da máquina estatal com privatizações e se negando a dialogar com os servidores públicos e movimentos sociais.

Um dos fatos mais conhecidos foi à privatização da Teleceará, hoje Telemar, na qual o senador tem ações (ver bens no Portal TSE). Outra ação foi no ano de 2000, quando o Ceará apareceu com o pior índice educacional e na sua gestão de governo, decretou em todas as escolas o sistema de Avaliação Satisfatória (AS) e Avaliação não Satisfatória (ANS), resultando em uma grande aprovação dos alunos, desde que tivessem somente presença em sala de aula, diminuindo ainda mais a qualidade do ensino.

Além disso, Tasso também é sócio- proprietário da TV Jangadeiro, quando a Constituição Federal proíbe qualquer parlamentar de obter concessões de rádio, TV ou jornais. Entre outros abusos de poder, Tasso foi denunciado pela imprensa por usar dinheiro público com o seu jatinho particular.

Ivina Carla

Diretora de Comunicação da UJS/Ceará

Leia mais...

Chico Lopes defende 50% do Fundo do Pré-sal para Educação  

Sempre atendendo as reivindicações sociais dos professores e estudantes do Ceará e do Brasil, Chico Lopes é um dos maiores defensores na Câmara Federal de emenda ao Projeto de Lei N°5940 – que regulamenta o Fundo Social do Pré-Sal – para destinar 50% dos recursos para a educação no país.

Já foi definido que o Fundo será fonte regular de recursos para projetos de combate à pobreza e de fortalecimento do desenvolvimento social nas áreas de educação, cultura, ciência, tecnologia e sustentabilidade ambiental. O esforço concentrado agora é garantir metade destes recursos para a educação.

O Deputado Federal Chico Lopes diz que “é fundamental que uma riqueza tão grande no país, como o pré-sal, se transforme numa ‘riqueza ainda maior’: que é a educação das crianças, adolescentes e jovens em nosso país. No futuro, daqui a algumas décadas, quando não houver mais o campo do pré-sal, o Brasil estará num patamar de desenvolvimento indiscutível de seus cidadãos, que tiveram na educação financiada com os recursos do Fundo Social a fonte de sua qualidade de vida”.

Fonte: Assessoria de imprensa do Deputado Federal Chico Lopes

Leia mais...

Presidente Lula convoca 2ª Conferência Nacional de Juventude  

Em comemoração ao Dia Internacional da Juventude (12/8), o presidente Luiz Inácio Lula da Silva assinou decreto de convocação da 2ª Conferência Nacional de Juventude, prevista para 2011.

A primeira Conferência, que aconteceu em abril de 2008, na capital federal, mobilizou mais de 400 mil pessoas em todo o Brasil e resultou na definição de um conjunto de prioridades e resoluções que deverão nortear as políticas públicas de juventude em todas as esferas governamentais. A audiência de assinatura foi realizada no Centro Cultural Banco do Brasil, sede provisória da Presidência da República, com a presença do ministro Luiz Dulci (Secretaria-Geral da Presidência da República), do secretário nacional de Juventude, Beto Cury, do presidente e vice-presidente do Conselho Nacional de Juventude (Conjuve), Danilo Moreira e João Vidal, além de representantes do Conjuve e de outros conselhos estaduais e municipais de juventude.

A realização da segunda Conferência vai garantir o caráter participativo dos jovens nas políticas públicas, além de possibilitar a avaliação dos avanços obtidos desde o primeiro encontro e os desafios que deverão integrar o novo debate. O ministro Luiz Dulci destacou a expressiva participação dos jovens na Conferência de 2008 e apostou que o próximo encontro deverá contar com o dobro de participantes. Ele ressaltou a importância do diálogo entre governo e sociedade, citou o Conjuve como exemplo e afirmou que esse diálogo tem trazido importantes contribuições para as políticas públicas.

Durante a audiência, todos ressaltaram os avanços da agenda juvenil, incluindo duas vitórias registradas pelo segmento no último mês de julho, quando o Senado promulgou a PEC 042/2008, conhecida como PEC da Juventude, e aprovou, em caráter definitivo, a adesão do Brasil à Organização Ibero-Americana de Juventude (OIJ). A PEC 042, transformada na Emenda Constitucional nº 65, inclui o termo jovem no capítulo dos Direitos e Garantias Fundamentais da Constituição Federal e representa um passo importante para que a política nacional de juventude se consolide no Brasil como uma política efetivamente de Estado.

Entre as iniciativas que integram a política nacional de Juventude, o presidente Lula citou programas como o Prouni e o Projovem, além de políticas voltadas para a expansão do ensino superior e fortalecimento das escolas técnicas.

Dia Internacional da Juventude

A data - 12 de agosto - foi instituída pela Organização das Nações Unidas (ONU) para voltar a atenção do mundo às questões da juventude. Por isso, anualmente a organização elege temas, especialmente ligados à saúde, participação, educação e trabalho, para pautar o trabalho dos agentes envolvidos na promoção dos direitos dos jovens.

A ONU definiu que 2010 seria o Ano Internacional da Juventude. Porém, oficialmente, o ano só começou neste dia 12, após as comemorações do Dia Internacional da Juventude ,e se estende até a mesma data em 2011. A Assembléia Geral da ONU pediu o apoio internacional de governos, sociedade civil, indivíduos e comunidades ao redor do mundo para dar visibilidade ao tema para toda população mundial. Vários eventos internacionais vão acontecer em agosto: o 5º Congresso Mundial da Juventude, em Istambul, Turquia; uma conferência global no México; além dos Jogos Olímpicos da Juventude, realizados em Cingapura. Em comemoração à data, a Secretaria Nacional de Juventude realiza, em Brasília, a 1ª Mostra do Projovem Urbano. O Projovem é um dos principais programas voltados para o público juvenil e um dos pilares da política nacional de Juventude.

Do Portal da Juventude.

Leia mais...

UJS convoca militância para participação maciça no Encontro de Blogueiros  

Evento que reúne blogosfera progressista é ponto de partida para a formação da Frente de Jovens Comunicadores da UJS.


Em iniciativa inédita, a blogosfera responsável pelo conteúdo de contraponto à mídia tradicional dos jornalões e das grandes emissoras promove nos próximos dias 21 e 22 de agosto o 1º Encontro dos Blogueiros Progressistas, que será realizado no Sindicato dos Engenheiros do Estado de São Paulo, na rua Genebra, 25, ao lado da Câmara Municipal em São Paulo. O evento reunirá as principais vozes da mídia alternativa e contará com palestras, oficinas sobre twitter, videoweb, rastreamento de trolls e debates sobre a sustentabilidade financeira dos blogs.

Além da possibilidade de trocar ideias com jornalistas do calibre de Luiz Carlos Azenha, Paulo Henrique Amorim, Rodrigo Vianna e Altamiro Borges, entre outros, o Encontro é uma oportunidade de ouro para que a União da Juventude Socialista dê o pontapé inicial na formação da Frente de Jovens Comunicadores, aprovada no 15º Congresso Nacional da entidade em junho passado. Dessa forma, a direção nacional convoca todos os filiados a participar do Encontro e aproveita para fazer um mapeamento de seus blogueiros pelo Brasil. A intenção é transformar a Frente de Comunicadores num importante agregador de formadores de opinião, aproveitando a brecha deixada pela crise de identidade e credibilidade cada vez mais latente de uma mídia envelhecida e que historicamente vem defendendo os interesses das forças conservadoras.

Vale lembrar que as inscrições ocorrem somente até a próxima sexta-feira, dia 13 de agosto, e custam R$20 para estudantes. Os demais interessados investirão R$100 – veja aqui mais detalhes de como participar – e aqueles que são de fora de São Paulo podem comprar passagens aéreas com desconto na companhia Gol, além de contar com esquema de hospedagem voluntária. O Encontro de Blogueiros tem ainda um perfil no Twitter, com as últimas novidades do evento.

Disponibilizamos um formulário cujo preenchimento é essencial para que a UJS consiga fazer um mapeamento preciso de seus comunicadores e mantenha um relacionamento mais próximo e direto com cada um de nossos blogueiros. Chegou a hora da Frente de Jovens Comunicadores da UJS mostrar a cara!

Leia mais: Hora de organizar a Frente de Comunicadores da UJS - por Theófilo Rodrigues.

Leia mais...

Juventude promove caminhada em apoio a candidatura de Dilma para presidente  

A caminhada vai ocorrer no sábado, 7, com concentração a partir das 16h00 na Praça da Imprensa, seguindo até a pista de skate do Cocó.

Essa é a primeira grande atividade em apoio à Dilma realizada pela juventude cearense. Faz parte de uma mobilização nacional que ocorre ao mesmo tempo em que a candidata lança, na Cidade de Deus, no Rio de Janeiro, seu Programa de Gorverno para a juventude. No Ceará, além dessa caminhada em Fortaleza, diversas cidades estão promovendo atos políticos para manifestar seu apoio.

"A expectativa é mobilizar milhares de jovens em todo o estado e assim construir uma grande onda juvenil em defesa das candidaturas do campo progressista e popular, em especial a de Dilma", destaca o presidente estadual da UJS/CE, Flávio Vinícius. Ainda segundo o dirigente da entidade, "esse é o ponta pé incial de uma grande mobilização que vai tomar conta do estado nos próximos dias.

Serviço

Caminha da juventude em apoio à Dilma 13!

Concentração na Praça da Imprensa, sábado, 7, ás 16h.

Da Redação

Leia mais...

Eleições 2010: mobilizar a juventude e organizar a UJS  

Veja as orientações da executiva estadual da UJS do Ceará para a militância neste periodo de campanha eleitoral.

A campanha eleitoral já está nas ruas. O intenso debate político e a mobilização da sociedade criam um ambiente favorável para o crescimento da União da Juventude Socialista. Com esse objetivo, além de garantir o voto para os candidatos que apoiamos, temos que estruturar e organizar a UJS, a partir do trabalho já realizado durante todo o 11º Congresso Estadual.

É fundamental elegemos os candidatos do campo popular e progressista, por isso estamos defendendo as candidaturas de Dilma para presidente e de Cid Gomes para o governo do Estado. E para derrotar o tucano Tasso Jereissati, vamos contribuir com a eleição de Pimentel e Eunício para o Senado Federal. Além dos candidatos as vagas para deputados estaduais e federais que estamos apoiando em cada cidade.

Não podemos deixar a velha direita voltar ao poder, assim vamos atuar nessas eleições com vistas a mobilizar a juventude para apoiar nossos candidatos. Mas ao mesmo tempo, temos que investir no fortalecimento da UJS.

Nesse sentido, as direções municipais têm que estar atentas para algumas orientações:


CAMPANHA ELEITORAL ENTRE A JUVENTUDE

Temos que fazer campanha nos espaços de convivência juvenil, prioritariamente onde nossa presença é mais forte. Isso significa que precisamos pedir voto no local em que atuamos diariamente e onde temos apoiadores. Por exemplo, em uma cidade em que atuamos mais nas escolas secundaristas, temos que fazer campanha nessas escolas.


DEBATER AS IDÉIAS DA UJS

Nesse momento de grande debate sobre os projetos dos candidatos, temos que apresentar nossas idéias com o objetivo de divulgá-las para sociedade e incorporá-las as plataformas de propostas dos candidatos. Temos que debater a meia macrorregional, a ampliação dos espaços para a prática de esporte e lazer, o acesso à universidade, entre outros temas.



APRESENTAR A UJS NA CAMPANHA ELEITORAL

A campanha eleitoral é a oportunidade de apresentarmos a UJS para os jovens da cidade. Temos que ter materiais gráficos (panfleto sobre o voto consciente, por exemplo) e bandeiras da UJS. Nos comícios e caminhadas, temos que estar presente de forma animada, puxando palavras de ordem, empunhando a bandeira da UJS e empolgando a juventude.


CAMPANHA DE FILIAÇÃO

É preciso dar continuidade ao processo de crescimento da UJS durante a campanha eleitoral. Por isso, temos que prosseguir com a campanha de filiação que se iniciou no 11º Congresso da UJS do Ceará.


REUNIÕES DA DIREÇÃO MUNICIPAL

Durante as eleições, temos que garantir as reuniões periódicas da Direção Municipal. Na pauta temos que debater as eleições com vistas a fortalecer a UJS na cidade.



PLENÁRIAS DE FILIADOS

Precisamos promover alguns encontros mais gerais com nossos filiados para debater as eleições e o papel da UJS. Esses encontros devem ser alegres e irreverentes e devem pautar os desafios da juventude perante a campanha eleitoral.


Fortaleza, 26 de julho de 2010




A executiva estadual da UJS do Ceará

Leia mais...

Chico Lopes e Lula Morais promovem encontro com Juventude  

Os candidatos à reeleição a deputado federal Chico Lopes e a deputado estadual Lula Morais, ambos do PCdoB, realizam nesta quarta-feira (28/07), a partir das 17h, plenária com os filiados da União da Juventude Socialista do Ceará (UJS/CE). O objetivo do encontro é debater e trocar ideias com os jovens sobre assuntos relativos à juventude, seus anseios e preocupações.

Para Flávio Vinícius, presidente estadual da UJS/CE, o encontro será de grande importância tanto para os jovens quanto para os candidatos. “Este primeiro encontro será um momento de troca de ideias. Vemos como uma oportunidade de Chico Lopes e Lula Morais apresentarem seus projetos e propostas voltadas para a juventude, assim como também iremos apresentar nossas sugestões para a campanha dos dois candidatos”, ratifica. Flávio Vinícius informa ainda que a intenção é, a partir deste encontro, criar núcleos de apoio às candidaturas de Chico Lopes e Lula Morais em escolas, universidades e bairros de Fortaleza e da Região Metropolitana.

Serviço

Encontro da Juventude com Chico Lopes e Lula Morais

Data: 28 de julho (quarta-feira)
Hora: A partir das 17h
Local: Comitê Chico Lopes (Av da Universidade – 2121 / Benfica)

De Fortaleza,
Carolina Campos


Fonte: http://www.vermelho.org.br

Leia mais...

Edital: Secult e MinC selecionam 21 Pontos de Leitura no Ceará  

O objetivo do edital Pontos de Leitura do Ceará é selecionar 21 iniciativas culturais do Ceará que trabalhem com estímulo e incentivo a leitura. As inscrições foram prorrogadas e seguem abertas até o dia 5 de agosto de 2010

O Governo do Estado, por intermédio de sua Secretaria da Cultura, e o Ministério da Cultura lançam o edital Pontos de Leitura do Ceará, parte do Programa Mais Cultura. O objetivo é selecionar 21 iniciativas culturais em atividade de fortalecimento, estímulo e incentivo a leitura, que contribuam para a democratização do acesso gratuito aos livros, gibis e outros suportes de leitura, e que envolvam a comunidade na gestão da iniciativa segundo suas próprias necessidades de informação e fruição cultural. As inscrições foram prorrogadas e seguem abertas até o dia 5 de agosto.

Cada iniciativa selecionada recebe um prêmio de R$ 20 mil, que deverá ser utilizado na aquisição de acervo (livros e demais publicações e materiais de leitura: revistas, gibis, CDs, DVDs, etc.); apoio às atividades sócio-culturais e educativas agregadas à leitura (rodas de leituras, oficinas de mediação de leitura e produção de textos, debates, exibição de filmes, etc.); aquisição de equipamentos e mobiliário de apoio e suporte as atividades voltadas ao atendimento do usuário (computador, impressora, TV, DVD, aparelho de som, estantes para livros, mesas e cadeiras, pufes, projetor, etc.); aquisição de materiais de guarda e/ou transporte de acervo e de apoio às atividades realizadas de forma itinerante (bicicletas, carrinhos, bolsas, malas, mochilas, etc.); e para investimento em reforma e instalações quando a iniciativa dispor de espaço físico para realizar suas atividades regularmente.

O edital é destinado a pessoas físicas e instituições da sociedade civil, sem fins lucrativos, com comprovada experiência e atuação, pelo menos há um ano, com propostas culturais, sociais ou educacionais relacionadas ao fortalecimento, estímulo e fomento da leitura no estado do Ceará.

Confira aqui o Edital Pontos de Leitura do Ceará

Fonte: Assessoria de imprensa da Secult

Leia mais...

Cineastas da favela criticam Cidade de Deus e Tropa  

Os diretores dos cinco episódios do filme 5x Favela, Agora por Nós Mesmos criticaram, em debate durante o festival de cinema de Paulínia, produções que tratam de favelas, como Cidade de Deus e Tropa de Elite.

Comandado por Cacá Diegues, 5x Favela, Agora por Nós Mesmos custou R$ 4 milhões e traz cinco curtas-metragens escritos, dirigidos e interpretados por moradores de comunidades carentes do Rio de Janeiro. Retoma uma ideia original de 1962, em que cinco cineastas de classe média do Rio, entre eles Diegues, mostraram a vida dos moradores de favelas no clássico Cinco Vezes Favela.

Os diretores dos curtas disseram que não se vêem representados nos filmes de Fernando Meirelles e José Padilha. Por isso, produziram episódios em que moradores de comunidades cariocas são apresentados em uma perspectiva positiva.

"Cidade de Deus é um filme que o cara de fora [da favela] viu os traficantes e fez um filme sobre isso. Tropa de Elite foi um cara de fora [da favela] que viu a polícia e fez um filme sobre isso. Agora [5x Favela, Agora por Nós Mesmos] é um filme com a nossa visão", disse Luciano Vidigal, de 32 anos, cineasta morador do morro do Vidigal, diretor do episódio Concerto para Violino, o mais violento, trágico e pretensioso do filme, em que policiais e traficantes se unem para recuperar armas roubadas por bandidos.

Mais jovem dos diretores de 5x Favela, a estudante Manaíra Carneiro, 22 anos, diferencia o longa de Cidade de Deus e de Tropa de Elite. "A temática de 5x Favela não é a favela. É um filme que se passa na favela, mas acima de tudo um filme sobre solidariedade, esperança e ética, sobre pessoas que vivem em situações limite. Cidade de Deus é um filme de época, maniqueísta", afirmou.

Manaíra é codiretora de Fonte de Renda, o primeiro episódio, sobre um rapaz da favela que se vê forçado a vender drogas para os "playboys" da faculdade de direito em que estuda, para poder comprar livros. O jovem reluta muito em entrar para o crime e sai dele assim que consegue um emprego. E tem um final feliz, não é punido por se envolver com o tráfico, como provavelmente ocorreria se a história tivesse saído da cabeça de alguém de fora da favela.

O final feliz, à exceção de Concerto para Violino, marca todos os episódios. Segundo os diretores, isso foi proposital. Os cinco curtas foram escolhidos entre dezenas de argumentos desenvolvidos pelos jovens das comunidades em oficinas preparatórias para o filme.

"No processo de escolha dos argumentos, foi nítida essa necessidade de fazer um retrato positivo da favela", contou Cacau Amaral, 37, morador de Duque de Caxias, na periferia do Grande Rio, um dos diretores do programa Espelho, de Lázaro Ramos, no Canal Brasil.

Amaral, assina, em parceria com Rodrigo Felha, o episódio Arroz com Feijão, um dos mais divertidos, apesar da situação trágica. No curta, dois meninos lavam carro e catam cocô de cavalo para conseguir dinheiro e comprar uma galinha para que a mãe de um deles sirva um jantar digno para o pai, no dia do aniversário dele. Em uma das cenas mais "ideológicas" de todo o filme, os dois garotos são roubados por alunos do colégio mais elitista do Rio de Janeiro.

"Essa ideia da positividade foi de todo mundo. Tem desgraça na favela, mas decidimos mostrar a desgraça com humor. Pobre ri pra caramba, não só chora", disse Manaíra.

5x Favela, Agora por Nós Mesmos estreia nos cinemas de São Paulo e Rio em 27 de agosto.

Fonte: http://www.vermelho.org.br

Leia mais...

Pesquisa O Povo/Datafolha aponta intenção de votos no Ceará  

O Jornal O Povo divulga nesta segunda-feira (19/07) a primeira pesquisa após a oficialização das candidaturas ao Governo do Ceará. Os números mostram o governador Cid Gomes (PSB) liderando a disputa com 47% das intenções de voto, seguido pelo ex-governador Lúcio Alcântara (PR), que atinge 26% das preferências. O candidato tucano Marcos Cals, apoiado pelo cacique tucano Tasso Jereissati, surge apenas em terceiro na intenção de votos com minguados 7%.

Gonzaga do PSTU tem 2% e Soraya Tupinambá, do PSOL, atinge 1%. Marcelo Silva (PV) e Nati (PCB) foram citados mas não atingiram 1% das menções. Os que votariam em branco ou anulariam o voto ao governo, caso a eleição fosse hoje, totalizam 4%. 13% dos entrevistados não souberam escolher nenhum dos nomes apresentados.

De acordo com a pesquisa O Povo/Datafolha, o Cid Gomes teria condições de vencer a disputa ainda no primeiro turno, pois aparece com índice maior que a soma dos demais adversários. A margem de erro para o total da amostra é de três pontos percentuais para mais ou para menos.

A pesquisa ouviu 912 eleitores, com 16 anos ou mais, de 40 municípios do Ceará, entre os dias 14 e 15 de julho, e está registrada no Tribunal Regional Eleitoral do Ceará (TRE/CE) com o número 35709/2010 e no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) com o número 19264/2010.

De Fortaleza,
Carolina Campos (com informações do jornal O Povo)

Leia mais...

Desempenho de cotistas fica acima da média  

Estudos realizados pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj) e pela Universidade de Campinas (Unicamp) mostraram que o desempenho médio dos alunos que entraram na faculdade graças ao sistema de cotas é superior ao resultado alcançado pelos demais estudantes.

Estudos realizados pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj) e pela Universidade de Campinas (Unicamp) mostraram que o desempenho médio dos alunos que entraram na faculdade graças ao sistema de cotas é superior ao resultado alcançado pelos demais estudantes.

O primeiro levantamento sobre o tema, feito na Uerj em 2003, indicou que 49% dos cotistas foram aprovados em todas as disciplinas no primeiro semestre do ano, contra 47% dos estudantes que ingressaram pelo sistema regular.

No início de 2010, a universidade divulgou novo estudo, que constatou que, desde que foram instituídas as cotas, o índice de reprovações e a taxa de evasão totais permaneceram menores entre os beneficiados por políticas afirmativas.

A Unicamp, ao avaliar o desempenho dos alunos no ano de 2005, constatou que a média dos cotistas foi melhor que a dos demais colegas em 31 dos 56 cursos. Entre os cursos que os cotistas se destacaram estava o de Medicina, um dos mais concorridos - a média dos que vieram de escola pública ficou em 7,9; a dos demais foi de 7,6.

A mesma comparação, feita um ano depois, aumentou a vantagem: os egressos de escolas pública tiveram média melhor em 34 cursos. A principal dificuldade do grupo estava em disciplinas que envolvem matemática.

Fonte: O Estado de S.Paulo.

Leia mais...