Blog UJS Ceará

O blog de política da juventude cearense!

Caminhada no Centro de Fortaleza é destaque no 08 de Março  

Por Flaviene Vasconcelos*

As mulheres cearenses mostraram mais uma vez que estão à frente quando o assunto é reivindicar direitos. Ontem (7), pela manhã, tivemos uma belíssima manifestação em referência ao 08 de março, que começou com uma grande e animada caminhada saindo da Praça do Carmo, no centro de Fortaleza, e seguiu em direção a Praça do Ferreira, onde um ato promovido pela prefeitura municipal aguardava nossas combatentes.

Caminhando ao som de uma banda marcial, utilizando carro de som, apitos e muitas faixas contestadoras, as participantes estavam dispostas a chamar a atenção da sociedade, no caso, os transeuntes do comércio da capital cearense, para a vulnerável condição das mulheres no estado. Os números da violência denunciados são assustadores. Apesar da conquista que foi a Lei Maria da Penha, mulheres continuam vítimas de homicídios, agressões físicas e coação moral, as condições de trabalho deixam muito a desejar e a qualidade de vida também. Essas eram, em um contexto geral, as reclamações que soaram em uníssono pelos auto-falantes que percorreram o trajeto, no entanto, "um fim para o sistema capitalista" era a palavra de ordem que unificava as vozes de homens e mulheres ali presentes.

Para os comunistas está muito claro que a plena emancipação das mulheres está diretamente relacionada a transformação da sociedade como um todo, o que de maneira alguma descaracteriza a luta feminista, ao contrário, revigora e dá uma conotação definitiva, quando partimos do pressuposto que estão intrinsecamente ligadas. Uma não será possível sem a outra. Essa é uma questão central que precisa sair dos fóruns dos partidos de vanguarda e ser apropriada por todo o conjunto da sociedade. Iniciativas como a de ontem, também ajudam na divulgação dessas bandeiras e garantem um folêgo para os movimentos, no sentido de que são excelentes oportunidades para a mobilização popular, sobretudo, quando interagem de forma educativa com o público.

Lideranças de vários segmentos se pronunciaram através de suas entidades e deixaram a sua contribuição política para o ato. Entre muitas outras, se destacaram a CTB, UBM, UJS, UNE, UBES, ACES, Movê-los, CONAN, FBFF, UNEGRO, Cebrapaz, além de sindicalistas e parlamentares filiados ao PCdoB e PT. A presença ilustre de Maria da Penha também chamou a atenção dos participantes, já que a Lei 11.340/2006, que cria mecanismos para coibir a violência doméstica e familiar contra a mulher, uma das principais vitórias do movimento feminista, ganhou o seu nome depois que sua história de vida atravessou o Brasil e suas fronteiras. Vítima de duas covardes tentativas de homicídio, Maria da Penha ficou paraplégica, mas sobreviveu para brigar por justiça e se tornou um ícone na luta contra a violência doméstica.

O ato foi encerrado com atrações culturais que cantavam toda a poesia do regionalismo cearense, que tem como traço preponderante a peleja nordestina pela sobrevivência, evidenciando uma característica lutadora que prevalece até os dias atuais. Com certeza, esse será mais um dia marcante para ficar na memória dos militantes comunistas que acreditam ser possível futuras "manhãs de sol e socialismo", onde homens e mulheres possam caminhar lado a lado, gozando de plena igualde de direitos.

*Flaviene Vasconcelos é estudante de Ciências Sociais da UFC e militante da União Brasileira de Mulheres - UBM.

Veja mais fotos da Caminhada:

















MATÉRIAS RELACIONADAS:

2 Comentários:

  • Solrac  
    09/03/2009 03:10

    Parabéns a todas às mulheres pelo seu dia, que além de mera celebração consumista, deve ser um dia de muita reflexão sobre a luta contra a opressão e o sexismo.

    Felicito também às camaradas socialistas que mostraram que lugar de mulher é ocupando as ruas e praças da cidade construindo a luta.

    Belo texto Flaviene!

  • Ivo Braga  
    10/03/2009 21:16

    As mulheres estão de parabéns pelo seu dia internacional e pela combatividade com que encaram este dia. Mostrando à sociedade cearense que o dia 08 de março não é um dia meramente comercial e sim um dia de luta pela emancipação da mulher!

    'Até a Vitória Sempre!'

NORMAS DE USO DOS COMENTÁRIOS

Comentem as matérias, façam sugestões, elogios ou mesmo reclamações, troquem idéias, este é o lugar para opinar!

Os comentários não serão respondidos por email, só aqui mesmo; se quiser saber se alguém respondeu ao seu comentário, inscreva-se por email no Feed de comentários do artigo, ou então: VOLTE SEMPRE!

Obs.: Os comentários aqui exibidos não necessariamente refletem as opiniões do Blog.